Editorial

Completo o primeiro mês à frente do Conselho Diretor da UTCAL tendo acompanhado uma das principais ações de capacitação promovidas pela Associação, que é a participação na conferência Distributech, nos Estados Unidos. Nesta edição, a delegação de profissionais brasileiros esteve em visita técnica à concessionária texana Center Point e participou de um ciclo de apresentações e discussões sobre os desafios atuais das utilities brasileiras na adoção de novas soluções de telecomunicações, redes e segurança para alavancar a transformação digital nessas empresas.

Inicio, portanto, meu mandato de dois anos com as melhores expectativas e a certeza de que ainda vamos atuar muito na defesa das demandas dos setores de infraestrutura crítica - seja promovendo debates e atividades para atualizar os profissionais ou representando os interesses dos setores junto às agências reguladoras e órgãos internacionais.

No contexto de transformação digital das empresas, o mercado tradicionalmente consumidor de energia passa também a fazer parte do grid como produtor impulsionando nossas utilities a adequações na sua estratégia, operação diária e relacionamento com clientes. Nesse ambiente, a UTCAL se posiciona cada vez mais como Associação capaz de entender os desafios do setor elétrico e atuar em parceria com suas associadas, junto ao mercado fornecedor, reguladores e também, influenciando entidades nacionais e internacionais que determinam os espectros de frequência em que podemos operar.

Entendendo este momento é que a UTCAL determinou suas frentes de atuação para os próximos dois anos. De forma breve, pode-se destacar a continuidade da atuação junto aos reguladores, Citel e ITU na defesa de espectro frequência específico para utilities, a condução do tema Cyber Security e a evolução e migração de redes Estatísticas para Redes em Pacotes.

Como presidente do Conselho Diretor da UTCAL e com muito orgulho de participar ativamente dessa agenda, posso garantir que serão anos de incentivo à atuação junto aos protagonistas que definem as diretrizes para as telecomunicações e o uso dessas em aplicações estratégicas.

De 27 a 29 de março de 2019 teremos o UTCAL Summit, que vai reunir integrantes da UTC Global, além de representantes dos reguladores, especialistas internacionais, institutos de pesquisa, academia e fornecedores. Esta será outra ótima oportunidade para profissionais terem contato com as questões mais atuais no campo das utilities. Sem dúvida, é um ano de grandes mudanças e a UTCAL se consolida ainda mais como um agente relevante para alavancar a modernização tecnológica do país na prestação de serviços críticos de utilidade pública.

Daniel Senna Guimarães
Presidente do Conselho Diretor da UTCAL